segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Futsal: Crónica do Belenenses - Burinhosa

Postado Por: with Sem Comentarios
A equipa sénior de futsal do Belenenses venceu esta tarde a forte formação do CCRD Burinhosa, por 7-4, em jogo da 3ª jornada do Campeonato Nacional da IIª Divisão, disputado num Pavilhão Acácio Rosa com uma assistência acima da média e que teve a ocasião de assistir a um excelente jogo, que colocou a nossa equipa na liderança da classificação.

Para este encontro, diante de uma formação, tal como o Belenenses, candidata à subida de divisão e que trouxe mais de 100 adeptos desde a região de Pataias, Alcobaça, o técnico João Freitas Pinto apostou no mesmo cinco inicial das duas jornadas anteriores, com Roger na baliza e com Cautela, Tiago Carvalho, Bruno Pinto e Drula como jogadores de campo.

A equipa do Belenenses entrou muito bem na partida, praticando um futsal de qualidade, criando várias situações de golo, que o guarda-redes adversário ia evitando com mestria, adivinhando-se o golo inaugural da partida a qualquer momento. Golo esse que surgiu aos 3 minutos mas para a equipa adversária, na sua primeira situação de ataque, após uma intercepção de bola que possibilitou uma superioridade numérica ao adversário.

O Belenenses reagiu bem e continuou a criar e a desperdiçar várias situações de perigo, nalguns casos com lances de belo efeito, bem construídos, a fazer as delícias dos adeptos do Belenenses presentes nas bancadas, apesar de não terminarem em golo umas vezes por mérito do guarda-redes adversário e outras vezes por falta de pontaria dos nossos atletas.

Novamente contra a corrente do jogo, na sequência de uma falha de marcação inexplicável, a formação do Burinhosa chegou ao golo, elevando para 0-2, estavam decorridos 13 minutos. Resultado tremendamente injusto e que fez questionar o desfecho do encontro.

No entanto, a nossa equipa continuou a reagir bem às adversidades e, finalmente, aos 15 minutos conseguiu quebrar a malapata na finalização, com Bruno Martins a reduzir para 1-2, na recarga a um primeiro remate de meia-distância de um seu companheiro de equipa.

Mesmo a perder, o Belenenses respirava confiança e pouco depois, aos 18 minutos, um roubo de bola de Bruno Martins possibilitou um contra-ataque, com Drula a assistir Osvaldo para o golo do empate, que colocava alguma justiça no marcador.

O intervalo chegou com um empate a dois golos no marcador, o que penalizava a falta de eficácia da nossa equipa na finalização, apesar da excelente exibição realizada e premiava a formação do Burinhosa, muito mais eficaz na finalização e com um guarda-redes em dia sim.

No regresso dos balneários, o técnico João Freitas Pinto colocou, como nos jogos anteriores, Marco Mateus na baliza, no lugar de Roger, com a nossa equipa a entrar determinada em dar a volta ao resultado o mais cedo possível, com o golo a surgir aos 23 minutos, num lance genial entre Drula e Cautela, com este último a aproveitar uma assistência brilhante do nosso capitão para fazer o 3-2, colocando o Belenenses pela primeira vez na liderança do marcador.

Porém, essa vantagem durou pouco tempo, já que no minuto seguinte, a formação do Burinhosa, igualou novamente o marcador, num lance bem desenhado.

No entanto, a formação do Belenenses rapidamente recuperou a vantagem no marcador, com Bruno Pinto, aos 26 e 28 minutos, a fazer dois golos de belo efeito, com dois remates de meia-distância, a fazer uso do seu pé esquerdo, colocando a nossa equipa a vencer por 5-3.

Estes dois golos de vantagem tiveram o condão de quebrar um pouco o ânimo à formação adversária, equipa experiente, com boa posse de bola e que joga bem no erro do adversário, fazendo com que a nossa equipa controlasse o jogo com alguma naturalidade nos minutos seguintes, não deixando de procurar o golo sempre que possível, com Tiago Carvalho a rematar ao poste na sequência de um bom lance individual, estavam decorridos 32 minutos e pouco depois com Célio a fazer uma emenda oportuna junto da linha de golo contrária, elevando o marcador para 6-3 aos 33 minutos.

A formação do Burinhosa reagiu a esta desvantagem no marcador colocando um guarda-redes avançado até final do encontro, mas essa aposta no 5x4 apenas resultou num lance, aos 35 minutos, reduzindo o marcador para 6-4 na sequência de uma emenda perto da linha de golo.

Seria o Belenenses a colocar um ponto final no marcador, aos 37 minutos, por intermédio de Leandro, num lance de contra-ataque, fazendo o 7-4 final no marcador, pertencendo ainda à nossa equipa as melhores ocasiões de golo até final do encontro, aproveitando o facto de o nosso adversário estar a jogar com guarda-redes avançado para procurar ampliar o marcador em remates de baliza à baliza que teimaram em não entrar.

Esta importante e saborosa vitória, a terceira em três jornadas do campeonato, coloca a nossa equipa na liderança da classificação, com os mesmos pontos das formações de Os Vinhais e da Quinta dos Lombos, mas com maior diferença de golos marcados e sofridos.

O Belenenses alinhou com: Roger (Gr); Cautela (1 Golo), Tiago Carvalho, Bruno Pinto (2 Golos) e Drula.

Jogaram ainda: Marco Mateus (Gr); Osvaldo (1 Golo), Bruno Martins (1 Golo), Leandro (1 Golo), Rúben Simões, Célio (1 Golo) e Amarante.

Resultado Final:
Belenenses 7-4 Burinhosa
Achei o texto acima:
← Mensagem mais recente Mensagem antiga → Página inicial

0 Comentário/s:

Enviar um comentário