quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Futsal: Entrevista a Cautela

Postado Por: with Sem Comentarios
Prosseguimos com o ciclo de entrevistas com os nossos re-Conquistadores. O entrevistado é um jogador que, depois de uma curta passagem pelo nosso Clube, regressou esta temporada no sentido de para além do seu valor, transmitir a sua experiência aos mais jovens, falamos de Cautela.

Com 39 anos completados este Verão, qual a motivação para continuares a jogar? O que sentes quando vês miúdos com metade da tua idade a jogar lado a lado contigo?
A minha motivação ainda é muita para jogar. Quando não a tiver paro. Estou a jogar com miúdos da idade do meu filho, com muito valor, e que me respeitam. Tenho certeza que se continuarem com esta humildade vão ser futuros jogadores de selecção.

Quais foram para ti até agora os momentos mais marcantes, pela positiva e pela negativa, na tua carreira?
Momentos pela positiva foi ser campeão aos 23 anos pelo Correio da manhã. Negativa e marcante foi a morte de um amigo e colega de equipa (Seninho) que para mim foi o melhor jogador com quem joguei e vi jogar até hoje.

Como vês a aposta no João Pinto e na restante equipa técnica? Já conhecias o treinador? Pelo que viste na pré-temporada e nos primeiros jogos oficiais, como classificas o grupo de trabalho?
A equipa técnica é muito boa já conheço o João há muito tempo. Joguei contra ele várias vezes, e tive-o como adjunto aqui no Belém. Vi logo que tinha muita qualidade. Os treinos são muito bons e prepara muito bem os jogos. Sabe muito de futsal, estou aprender muito com ele. O Pedro não o conhecia, está no inicio e é boa pessoa. O Zé Carlos fui colega dele algumas épocas e é um ‘gajo à maneira’. Tem sido muito importante, tem muitos anos de futsal. O Ramiro é espectacular, como o André fisioterapeuta, o Ferreira que trata da nossa roupa o Mocotó também. Todos são importantes.

Depois de uma curta passagem pelo nosso clube o que significa para ti vestir de novo a camisola do Belenenses?
Tive pouco tempo na outra época por motivos profissionais. Sempre gostei do Belenenses e tenho grande orgulho em vestir esta camisola

Quando é que o futsal passou a ser encarado por ti como uma carreira?
Não sei se foi uma grande carreira. Jogo desde os meus 11 anos mas tenho a certeza que ajudei alguns a ter uma. O plantel baseia-se num misto de veterania e experiência e irreverência dos mais jovens

Achas que é a fórmula certa para uma época de sucesso?
Numa equipa é sempre bom haver jogadores experientes mesclados com mais novos.

Quais as expectativas que tens para esta época? É para subir? Os primeiros jogos estão a corresponder às tuas expectativas? 
A expectativa é pôr o Belém no lugar que merece que é a 1ª divisão. Os primeiros 4 jogos ganhámos e nos últimos 2 nem sempre jogamos bem. Mas o mais importante é ganhar, faltam muitos jogos e nem sempre se pode jogar bem.

Até à 4ª Jornada do Campeonato e com uma eliminatória da Taça disputada, já tens 3 golos amealhados. Estavas à espera de, numa posição mais recuada no campo, poderes fazer tantos golos?Esperas que seja para continuar?
Eu sempre marquei muito golos durante as épocas. Mas não importa quem marca, desde que a equipa ganhe. Mas se tiver oportunidades tento marcar.

Quem são na tua opinião os principais adversários do Belenenses na luta pelo subida?
Para mim o Vila Verde e o Burinhosa são os principais candidatos, junto com o Belém claro.

Quando acabares a carreira como jogador, pensas continuar ligado ao futsal?
Sim, quando parar de jogar quero ficar ligado ao futsal.

Uma das armas históricas dos «Conquistadores» teve sempre a ver com o ambiente que se vive no balneário, e forte relação de amizade entre todos os elementos da Secção. Vês ou sentes isso neste momento? Até que ponto isso vai ser decisivo para alcançar os objectivos propostos para esta época?
Temos um ambiente espectacular no balneário. As pessoas da secção estão sempre nos treinos com a equipa, o que é muito importante para nós.

Este ano, apesar da equipa estar na IIª Divisão, os sócios e adeptos do Belenenses têm tido uma boa adesão aos jogos. Do teu ponto de vista é importante para vocês sentirem o apoio dos adeptos?
Nos jogos temos sempre os nossos adeptos. Até a jogar fora temos sempre alguém. Continuem a apoiar a equipa como sempre fizeram, pois faltam muitos jogos. Vai ser uma grande luta até ao fim. Vai haver bons e maus momentos. Acreditem na equipa até ao fim. Vamos por o Belém no lugar que tem direito.
Achei o texto acima:
← Mensagem mais recente Mensagem antiga → Página inicial

0 Comentário/s:

Enviar um comentário