sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Futsal: Entrevista a Gui

Postado Por: with Sem Comentarios
Guilherme Santos, mais conhecido como Gui, é um dos capitães da equipa de juniores do Belenenses desta época. Com 17 anos, Gui, que joga preferencialmente como ala é o primeiro jovem a iniciar uma série de entrevistas que irão ter lugar ao longo da temporada, procurando assim um maior conhecimento dos nossos jovens por parte dos associados do Belenenses.

Qual é o segredo para os jogadores chegarem a juniores e gostarem tanto de estar no Belenenses?
Eu após 4 anos com a Cruz de Cristo ao peito acho que já não existe segredo nenhum, toda a gente sabe o porquê de nos sentirmos bem aqui. “É da água” alguém disse, eu concordo mas o resto vem de cada grupo que se forma todos os anos, ganhamos um carinho e uma amizade por todos os nossos colegas que não é possível noutro lugar. Se me perguntarem o porquê disso acontecer eu não sei muito bem responder mas que de facto acontece todos os anos acontece. Sinto todos os anos que tanto os mais velhos da casa como os que acabam de chegar ficam com este espirito de união e de família logo na primeira semana, é estranho mas é isto que acontece e é por isto que nos sentimos tão bem aqui e sinceramente sinto-me assim desde os juvenis, o espirito é sempre o mesmo em todos os escalões e isso faz com que todos nos demos bem e sejamos uma família.

Sentes que tens adversários que gostariam de estar no Belenenses?
A resposta a esta pergunta é imediata: Sim, muitos mesmo! Acho que nestes últimos anos pegámos o bichinho de vestir a nossa camisola a muita gente, muita gente mesmo! A prova disto é que todos os clubes nos querem ganhar, todos querem ganhar ao Belenenses, todos os jogadores se querem mostrar contra nós.

Aspiras chegar á equipa principal no próximo ano?
Sinceramente ainda não pensei muito nisto, claro que amava continuar aqui para o ano mas primeiro que isso tenho de me mostrar pelos juniores e tenho de ganhar o titulo que me anda fugir há 2 anos. Pode ser muito cliché mas quero sair pela porta grande, primeiro quero ser campeão nacional depois sim poderei pensar na minha carreira enquanto sénior. (Obviamente que aspiro chegar lá mas sinto que ainda tenho de percorrer um longo caminho até pensar nisso).

O que esperas de ti e da equipa para esta época?
No seguimento da pergunta anterior quero acima de tudo mostrar-me e ajudar a equipa para atingirmos o nosso objetivo, que passa por sermos campeões. Claro que com este tipo de objetivo tenho de evoluir e muito. Mais importante ainda é evoluir com os meus colegas porque nenhum de nós ganha nada sozinho, se eu estiver a dar 200% e os outros não estiverem assim (ou ao contrário) não ganhamos nada, temos de evoluir todos e com a qualidade que temos acho que isso irá acontecer naturalmente. No fundo espero sair da formação com um nível de jogo muito mais elevado e que o mesmo suceda com os meus colegas de equipa.

Achas que esta equipa pode chegar ao patamar da época passada?
Este tipo de comparações é bastante difícil de fazer, isto porque é tudo muito diferente: o campeonato, os adversários, os treinadores adversários, os nossos treinadores (a equipa técnica não é muito diferente mas na minha opinião há sempre diferenças) o grupo, etc... Com isto pretendo chegar à conclusão que as duas equipas não são incomparáveis mas que não faria muito sentido compará-las, senti um grande privilégio por pertencer ao plantel do ano passado, estava recheado de talento e talvez tivesse sido o melhor plantel e o melhor grupo desde sempre numa equipa júnior não só no Belenenses mas certamente no pais inteiro. Foi um grupo que me ensinou muito mesmo e que hoje em dia olho para alguns dos meus colegas com orgulho por ter jogado ao seu lado, sem dúvida que muitos deles serão muito bem sucedidos no futsal mesmo os que não transitaram para a equipa sénior. Em comparação com o grupo deste ano sinto o mesmo privilégio e o mesmo prazer que o ano passado. Em termos de qualidade... mais lá para a frente falamos melhor !!! Espero deixar este grupo como os mais velhos deixaram o ano passado, deixando os mais novos com prazer de terem jogado ao meu lado.

Queres deixar o teu nome gravado no clube? Seria importante com um título?
Isto até pode parecer uma afirmação um pouco duvidosa mas sinto que já deixei! Pode ser a maldição dos VICE mas a verdade é que enquanto juvenil a minha equipa foi a primeira a ir a uma Final Four da Taça Nacional e ficámos em segundo. Sendo que no ano seguinte (ano passado) sucedeu o mesmo no escalão júnior, mais uma vez os primeiros a ir a uma Final Four da Taça Nacional. Se sinto que isto deixou o meu nome gravado no clube? Sim sinto, irei sempre sentir um orgulho enorme nestes dois anos e nestas duas equipas a que pertenci ! Se quero escrever novamente o meu nome mas como campeão? Isto já é outra pergunta. Claro que quero, ser campeão é e será sempre um objetivo meu e do Clube.

Qual o teu melhor momento aqui no Belenenses?
Já tive uns muito bons e outros menos bons mas tenho de destacar dois: em primeiro lugar está a passagem à Taça Nacional (Juvenis) num jogo contra o Sassoeiros, na última jornada, quem ganhasse passava à Fase Nacional... Só de salientar que o pavilhão estava cheio! Não será preciso dizer muito mais, este jogo e o pós jogo (Festa) foi um dos melhores momentos da minha vida e certamente um dos melhores momentos enquanto jogador de fustal. O outro momento é sem duvida a viagem do Fundão para lisboa no ano passado, foi a melhor viagem que alguma vez tive com uma equipa. Foi um momento que nunca irei esquecer!

E o melhor golo?
Esta é das mais difíceis, muitos dos que me conhecem no futsal nem me chamariam um goleador mas já marquei muitos golos pelos Belenenses, escolher um é muito difícil. Vou destacar três: dois destes golos foram no tal jogo contra o Sassoeiros em juvenil, foram dois golos que senti que ajudaram a minha equipa numa fase crucial ! um deles deve ter sido dos melhores golos que já marquei na minha “carreira” ! O outro será o golo contra o Albufeira o ano passado no Algarve, este golo não teve nada de espetacular mas foi numa fase em que me revelei como uma opção evidente para ajudar a equipa na Taça Nacional, foi um momento de reviravolta!

Quem é para ti o melhor jogador com quem já jogaste?
Será sem sombra de dúvidas o Bruno Pinto (nunca pertenci à sua equipa por termos dois anos de diferença mas sempre presenciei o seu trabalho), outros também muito bons são praticamente todos os jogadores da minha equipa do ano passado.

Qual a tua ambição quando chegares a sénior?
A minha ambição quando chegar a sénior é jogar futsal! Onde o poderei fazer ainda falta muito para saber, como já referi anteriormente.
Achei o texto acima:
← Mensagem mais recente Mensagem antiga → Página inicial

0 Comentário/s:

Enviar um comentário