quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Futsal: Comentários ao Académica - Belenenses/ElPozo

Postado Por: with Sem Comentarios
No final do jogo disputado em Coimbra, que terminou com um empate entre as formações da Académica e do Belenenses/ElPozo, recolhemos algumas declarações do técnico Carlos Teixeira, bastante satisfeito do desempenho da sua equipa, apesar de lamentar as oportunidades de golos desperdiçadas, que impediram a equipa de regressar a Lisboa com os três pontos da vitória.

Um empate no recinto de um adversário directo, que nos mantem no 5º lugar da classificação. Como analisas o jogo e o resultado?
Foi um jogo muito intenso, mas nem sempre bem jogado. A nossa equipa levou alguns minutos a adaptar-se ao piso irregular e escorregadio do pavilhão – período onde não estivemos tão bem - mas feita essa adaptação, com o decorrer do jogo, fomos a melhor equipa, aquela que mais oportunidades de golo criou e aquela que esteve mais perto de conseguir a vitória.

Depois de entrarmos a perder no jogo, a equipa reagiu bem, conseguiu empatar o jogo e colocar-se inclusive na frente do marcador. A equipa está cada vez mais confiante...
Sem dúvida que sim. Vamos para a 12ª jornada do campeonato, já realizámos 60 treinos e os jogadores estão cada vez mais soltos e mais confiantes nas qualidades de cada um. A equipa está mais coesa e as tomadas de decisão são cada vez mais rápidas e mais eficazes. Sentimos que estamos no caminho certo.

Na segunda parte a equipa acreditou que podia vencer e criou ocasiões de golo suficientes para vencer o jogo...
Estou satisfeito porque a equipa continua, jogo após jogo, a demonstrar capacidade de, na envolvência ofensiva, criar muitas oportunidades de finalização. Ficou claro para quem assistiu ao jogo que podíamos e deveríamos ter vencido o encontro, fruto do nosso caudal ofensivo.

Sais de Coimbra satisfeito pelo ponto conquistado ou desiludido pelos dois pontos perdidos?
Por um lado saio satisfeito, pelo que disse antes, pela capacidade de criarmos muitas oportunidades de finalização. Agora também fica alguma frustação, por não termos vencido. Fica o amargo de não ganhar, mas não podendo ganhar, aceito o empate em casa de um adversário directo, pois este empate pode traduzir-se numa eventual vantagem no confronto directo, após o jogo da segunda volta, e é sempre mais um ponto conquistado.

A equipa mantém o 5º lugar na classificação e inclusive aumentou a distância que nos separa dos lugares de despromoção, em véspera de jogarmos com outro adversário directo, o Modicus. O que esperas desse jogo? Uma vitória consolidaria a nossa posição e os nossos objectivos...
Apesar do empate, mantivemos a nossa excelente posição na classificação e em relação aos lugares de despromoção, passou mais uma jornada e aumentámos a distância em mais um ponto. Foi positivo. Quanto ao jogo do próximo fim-de-semana, será mais uma final, mais um jogo importantíssimo, porque será contra um adversário directo, uma equipa com os mesmos objetivos do que nós, e porque a próxima jornada tem alguns jogos interessantes, que nos podem ajudar a consolidar os nossos objectivos.

O que conheces da equipa do Modicus e qual a importância do apoio dos nossos adeptos para nos ajudar a levar de vencida este encontro?
O Modicus é uma das equipas boas do nosso campeonato, com bons executantes, experientes, que leva já alguns anos de I Divisão e está habituada a ficar nos lugares do play-off. Desta forma, pela importância do jogo e pelo valor da equipa adversária, o apoio dos nossos adeptos será de capital importância. Foi arrepiante o apoio que sentimos no último jogo disputado em casa. Foram fundamentais para nos ajudarem a dar a volta a esse jogo. A cada golo obtido sentimos uma onda avassaladora que nos transportou para índices de superação fantásticos. Será essa onda avassaladora, essa fonte de inspiração, que contamos para o próximo sábado. Já o disse e repeti, que estaremos sempre mais perto de vencer se tivermos as bancadas do Pavilhão Acácio Rosa bem compostas e a puxarem pela nossa equipa. Juntos seremos mais fortes!
Achei o texto acima:
← Mensagem mais recente Mensagem antiga → Página inicial

0 Comentário/s:

Enviar um comentário