sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Mitchell van der Gaag: "Vou deixar de trabalhar"

Postado Por: with Sem Comentarios
Em conferência de imprensa, Mitchell van der Gaag, revelou que vai ter de parar por tempo indeterminado, isto após o incidente registado na partida frente ao Marítimo, na última jornada da Liga portuguesa.

"Por enquanto vou deixar de trabalhar e vou resolver o meu problema. Tudo farei para voltar o mais rápido possível", afirmou Van der Gaag.

"Estou vivo hoje, foi uma coisa muito violenta que aconteceu no sábado. Eu tenho um problema no coração, já há algum tempo, antes de chegar ao Belenenses, tenho um pacemaker e um desfibrilhador. No sábado, durante o jogo senti-me mal e recebi dois choques e o aparelho salvou a minha vida", revelou o nosso mister.

"O presidente foi fantástico, sensacional. Não tenho palavras para a equipa técnica e departamento técnico. O plantel foi fora do normal e fez um grande jogo no sábado. Nem parecia que tinham vindo de quatro derrotas, senti orgulho. O mesmo aconteceu ontem, nos Açores. Mostrou mais uma vez que é uma equipa que está bem viva e quer continuar. Espero que continuem da mesma maneira", afirmou Mitchell.

A finalizar, van der Gaag referiu que "para já vou deixar de trabalhar, porque a vida é mais importante. O meu médico agora é o meu treinador".

Força Mitchell!

Comunicado oficial sobre a situação clínica do nosso treinador.
Mitchell van der Gaag iniciou-se no desporto aos 6 anos de idade, como praticante de futebol actividade que praticou até aos 34 anos de idade.

Na sua última época como profissional de futebol foi já acompanhado por cardiologia, em virtude das alterações morfo-estruturais do seu coração de atleta, que no entanto eram compatíveis com a prática desportiva. Desde então à presente data tem tido seguimento regular em consulta de cardiologia.

Faz a sua medicação regularmente mas, pelo risco arritmoménico, entendeu-se, em Maio de 2012, a colocação de um desfibrilhador interno. Desde então não há registo de intercorrências.

A 21 de Setembro de 2013, durante o jogo Belenenses-Marítimo, pelas 18.30 horas, inicia um quadro clínico de cansaço, palpitação e sensação de lipotimia. Foi prontamente assistido pela Equipa Médica de Os Belenenses SAD, com todo o material de Suporte Avançado de Vida. No entanto o desfibrilhador interno actuou, revertendo a arritmia instalada para ritmo sinusal. Após estabilização do quadro clínico foi rapidamente transportado para o Hospital de Santa Cruz onde foi monitorizado do ponto de vista cardíaco e realizou exames complementares de diagnóstico.

À presente data continua em avaliação por cadiologia com ajuste terapêutico e realizando mais exames complementares de diagnóstico.

Os Belenenses SAD.
Achei o texto acima:
← Mensagem mais recente Mensagem antiga → Página inicial

0 Comentário/s:

Enviar um comentário